Histórico

SUA HISTÓRIA

Localizada numa das regiões mais ricas do Brasil, a jovem cidade de Cássia dos Coqueiros é um dos mais promissores municípios do Estado de São Paulo. Há 47 anos, a cidade nasceu como fruto de uma história de coragem, determinação e visão de futuro de seus desbravadores.

Descoberta no final do século XVIII por expedicionários que buscavam metais preciosos longe da costa, à região tinha, como grande riqueza, um planalto coberto de matas cortadas por um rio cheia de cachoeiras e vasta plantação de coqueiros agrestes. Esses coqueiros deram origem à grande fazenda onde a história da cidade de Cássia dos Coqueiros começou a ser traçada.

A passagem de Sesmaria a vilarejo foi rápida e, em 13 de abril de 1898, por provisão do Vigário Capitular Cônego Esechias Galvão de Fontoura, foi criada a paróquia de Santa Rita de Cássia dos Coqueiros. Três anos mais tarde foi instalado o distrito policial do município. Em 1899 o lugar recebe o título de Distrito da Paz através da Lei 680 de 14 de setembro, em 1958 é oficializado município.

Integrando a região administrativa da cidade de Ribeirão Preto, Cássia dos Coqueiros oferece hoje um excelente padrão de vida aos seus 2.871 habitantes – espalhados entre a faixa urbana e zona rural – que vivem com segurança, saúde, saneamento básico e abastecimento de água para 100% da população.

A cidade faz divisa com os municípios de Mococa (sul), Cajuru (oeste), Santo Antônio da Alegria (norte) e Monte Santo de Minas (leste).

Cássia possui:

01 Centro médico denominado Dr. Pedreira de Freitas, conveniado ao Hospital das Clinicas de Ribeirão Preto, o que facilita o encaminhamento de pacientes que não possam ser tratados na unidade local,

01 Centro de Saúde, onde funciona o PSF – Programa de Saúde da Família,

01 agências bancárias (Banespa – Banco do Estado de São Paulo),

01 creche municipal, 01 Centro Comunitário,

01 Centro de Convivência do idoso,

01 Rotary Clube, 06 igrejas, sendo 05 delas evangélicas,

01 escolas e mais de 60 empresas de diferentes áreas de economia.

SUA RELIGIOSIDADE

Padroeira Santa Rita de Cássia

A fé e a busca por milagres da Santa trazem a Cássia dos Coqueiros, um grande número de fiéis, durante a semana da festa (quermesse), que antecede o dia 22 de maio dia da Padroeira. Durante a quermesse, são servidos nas barracas para angariar fundos para a paróquia, comidas e bebidas.
È comum encontrar crianças vestidas de anjo para o pagamento de promessas, e pessoas fazendo o trajeto da procissão descalças, ao final da procissão é tradicional a queima de fogos.
A parte religiosa aqui, também se dá ao grande número de devotos de Santos Reis. E todo final do mês de janeiro é promovido o grande encontro, reunindo as companhias de reis de toda região.